Blog

Estilos de atuação: tal líder, tal grupo

Postado dia 19/08/2019
Continue Lendo A importância da eficiência, e do que mais?

Nos novos modelos de gestão, que há muito já abandonaram a autocracia em prol da democracia no ambiente corporativo, os colaboradores são merecedores da confiança de seu líder conforme sua responsabilidade e autonomia. Assim sendo, no modelo atual, segundo a teoria de Ken Blanchard (especialista americano e autor de diversos livros sobre liderança e gestão de capital humano), o líder utiliza a sensibilidade para conduzir sua equipe e, assim, determinar seu estilo de liderança que pode variar entre dirigir, coordenar, compartilhar e delegar.

Para equipes cujos colaboradores possuem uma maturidade mais baixa, ou seja, é notada falta de vontade de assumir responsabilidades ou há insegurança pela falta de competência, o treinamento constante e a participação mais específica no acompanhamento das atividades farão parte da rotina do líder a fim de maior eficácia nos resultados. Nesse caso, o líder dirige, dá supervisão e orientação clara do que as pessoas devem fazer, como, quando e onde devem executar as tarefas.

Quando o liderado possui mais confiança em si, porém não desenvolveu todas as habilidades e comportamentos necessários, o líder assume o papel de coordenar, para que a tarefa seja realizada adequadamente. Nesta situação, a liderança deve se lembrar que direcionar é importante, mas reforçar a disposição e o entusiasmo é fundamental para que o sistema se mantenha até a conquista dos objetivos.

Competência, responsabilidade, conhecimento das atividades e domínio das habilidades necessárias, porém receio em realizar tarefas muito importantes ou tomar decisões. Diante desse grupo o líder terá a postura de compartilhar e trabalhar em conjunto, fazendo o acompanhamento das expectativas do colaborador. Para Martinelli, o líder que compartilha, apoia constantemente o funcionário para aumentar sua disposição e evitar a insegurança ou a desmotivação.

Já num ambiente no qual novos desafios podem ser apresentados pelos colaboradores e eles podem exercer suas atividades com autonomia, surge o líder para delegar. Neste caso, o ambiente possui uma equipe com maturidade alta, que tem a capacidade e disposição para assumir responsabilidade, com total domínio das tarefas, bom desempenho, cumprimento dos prazos e até antecipação a possíveis imprevistos.

Para um líder é fundamental conhecer qual o estilo de atuação e, principalmente, adequá-lo às necessidades da equipe.

Conte com a Duomo Educação Corporativa para identificar qual o seu estilo de liderança. Conheça o nosso Programa de Desenvolvimento de Liderança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Colha resultados

Solicite um orçamento

Solicite um orçamento